O que fazer em Casablanca no Marrocos

Casablanca

Casablanca é o centro econômico, a maior cidade do Marrocos e a oitava maior cidade do mundo árabe. A cidade é um dos principais centros financeiros da África.

O que fazer em Casablanca, no Marrocos? Essa foi uma das dúvidas que me surgiu quando estava preparando minha viagem a Escandinávia. Meu voo era pela empresa Royal Air Maroc e eu tinha duas paradas na cidade, uma na ida e outra na volta de Copenhagen Dinamarca.

Casablanca Marrocos

Meu voo da ida chegou as 12h10. Como o voo para Copenhagen só partiria as 12h10 do dia seguinte consegui passear um pouco no período da tarde. O voo da volta  chegou as 21h30. O meu voo para São Paulo partiria somente as 16h10, o tempo suficiente para curtir a parte da manhã na cidade.

Juntando o período da tarde no primeiro dia e o período da manhã no segundo dia, consegui totalizar um dia inteiro para conhecer pelo menos alguns pontos turísticos.

Cheguei de São Paulo ao Aeroport Mohammed V, aeroporto internacional que serve de hub para Royal Air Maroc.

Saindo do avião já encontrei dois policiais da imigração fazendo a checagem dos documentos. Um deles me perguntou se eu iria para Lisboa, ao contar que era brasileira e ia para Dinamarca ele foi muito simpático e até arriscou um “obrigado”.

Dirigi-me ao escritório da companhia Royal Air Maroc que me deu um voucher com o nome do hotel onde eu deveria dormir.  As reservas, estadias, refeições e transfer foram organizados e custeados pela própria companhia, tanto na ida, como na volta.

Como a minha mala já seria despachada ao destino final, coloquei alguma mudinha de roupas na mala de mão. Isso foi avisado logo que eu sai de São Paulo E foi feito o mesmo na volta.

ONDE FICAR EM CASABLANCA

Na ida fiquei no Le Zenith Hotel & SPA. O hotel conta com uma decoração tipicamente marroquina, tem acesso gratuito à internet.  O quarto é confortável. Sinceramente não conheci a piscina coberta e o SPA.

Na volta fiquei no Hôtel Relax Airport. O hotel fica localizado na área de Nouasseur, em Casablanca, próximo ao Aeroporto. Oferece quarto e banheiro privativo e Wi-Fi gratuito. Há uma piscina ao ar livre e uma lojinha de souvenirs.

Para quem visita o destino, eu recomendo os dois hotéis.

O QUE CONHECER EM CASABLANCA

No primeiro dia após um rápido almoço no hotel segui para fazer o meu tour em Casablanca.  Do hotel até a cidade o descolamento foi feito de táxi e demorou em torno de 25 minutos.

As principais atrações da cidade podem ser facilmente exploradas em um dia de viagem. Reserve aqui seu tour por Casablanca.

HABOUS

O distrito de Habous é uma das áreas mais antigas da cidade e popularmente conhecida como Nova Medina. É um lugar ao ar livre repleto de mercados de especiarias e lojas de artesanatos.

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/4/49/IMG_4138-Habbous.JPG

ROYAL PALACE

O Palácio real foi construído em 1920 e tem um estilo arquitetônico árabe mulçumano. É lá que se realizam eventos importantes.  As fotos são só por fora, pois o acesso é restrito. Localização:  19 Rue de Rome.

https://www.facebook.com/Casablanca-Morocco-182642005099737/photos/pcb.2052661684764417/2052661011431151/

ARAB LEAGUE PARK

Localizado no cruzamento da Boulevard Moulay Youssef e a Avenida Hassan II fica o Arab Park League, que foi inaugurado em 1918 e é bem famoso por sua avenida de palmeiras que se estende de um lado a outro do parque. Lá está o Parc Yasmina, um parque de diversões fundado na década de 50, que vem sido restaurado desde 2016.

https://pt.wikipedia.org/wiki/Casablanca#/media/Ficheiro:Parc_de_la_Ligue_Arabe.jpg

CATHÉDRALE DU SACRÉ-COUER

Projetada pelo arquiteto francês Paul Tournou, a catedral em estilo neogótico, foi construída em 1930. Depois da independência do Marrocos ela foi convertida em um centro cultural. Localização: Angle rue d’Alger et boulevard Rachdi, quartier Gautier.

https://structurae.net/fr/ouvrages/cathedrale-du-sacre-coeur-et-notre-dame-de-lourdes

MOHAMMED V SQUARE

Ela foi projetada pelos arquitetos franceses Henri Prost e Joseph Marrast e seu nome dado foi em homenagem ao ex-rei do Marrocos. Ela é conhecida como a Praça dos Pombos, possui  uma bela fonte e é rodeada por vários prédios administrativos como o Palácio da Justiça.

https://en.wikipedia.org/wiki/Muhammad_V_Square#/media/File:%D0%9F%D0%BB%D0%BE%D1%89%D0%B0%D0%B4%D1%8C_%D0%9C%D1%83%D1%85%D0%B0%D0%BC%D0%BC%D0%B5%D0%B4%D0%B0_V.jpg

OLD MEDINA

A antiga medina é uma cidade murada localizada dentro da cidade de Casablanca. As entradas podem ser pelo Bab Agnaou ou Bab Marrakesh, um dos portões mais conhecidos na Ave Tahar El Alaouri ou pelo portão próximo a Torre do Relógio onde estão as maiorias das lojas. Ouvi dizer que era bom evitar a região a noite e eu fiz isso.

https://en.wikipedia.org/wiki/Bab_Agnaou#/media/File:Bab_Agnaou.jpg

PRAÇA DAS NAÇÕES

É uma praça no centro de Casablanca. É lá que está localizada a Torre do Relógio, uma reprodução de 1993 de uma das estruturas mais antigas da cidade. A original foi construída entre 1908 a 1910 e foi demolida em 1948.

https://en.wikipedia.org/wiki/Casablanca_Clock_Tower#/media/File:Tour_de_l’Horloge_2.JPG

PORTO DE CASABLANCA

É um dos maiores portos artificiais do mundo e o segundo maior porto do Norte da África. Lá está localizada a base naval da Marinha Marroquina. O  porto fica próximo a Mesquita Hassan II.

RICK’S CAFÉ

Localizado em uma mansão dos anos 30, o restaurante foi fundado em 2004, pela americana Kathy Kringer, como uma réplica do local do filme Casablanca. O filme foi mesmo filmado em um estúdio de Hollywood. Não é permitido fotos no local. Localização: 248 Rue Sour Jdid.

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/8/8a/Casa_didier55_025.jpg

No segundo dia, na volta de Copenhagen, pela manhã, fiz somente dois passeios e me dirigi ao aeroporto.

MESQUITA HASSAN II

Esse lindo edifício, sem dúvida, é uma das principais atrações da cidade. Ela é maior mesquita do Marrocos, a segunda em funcionamento da África e a sétima maior do mundo. Ela foi projetada por Michel Pineseau sob orientação do Rei Hassan II e levou 6 anos para ser construída (1987 a 1993).

No térreo fica o grande salão de oração. A capacidade total é de 105.000 fiéis a qualquer momento, acomodando em torno de 5.000 mulheres no mezanino e 20.0000 homens no andar de baixo. Com 210 metros de altura o minarete é o segundo mais alto do mundo.

Os ingressos podem ser comprados no local, no museu à direita da entrada. Ela fica fechada para orações ao nascer do sol, no almoço, às 17h, no pôr do sol e no jantar. Para entrar é preciso de um guia turístico e todos deve tirar os sapatos. Localização: Boulevard de la Corniche, Casablanca.

Ela tem uma vista linda para o Oceano Atlântico.

https://en.wikipedia.org/wiki/Casablanca#/media/File:Hassan_2_Mosque.jpg

FAROL EL HANK

Localizado no Boulevard de La Corniche o Farol foi construído em 1916 com 51 metros de altura. Possui uma escada interna em espiral e oferece uma vista maravilhosa da Mesquita. O local onde está localizado não é um dos melhores da região.

https://structurae.net/en/structures/el-hank-lighthouse

CURIOSIDADES

A moeda oficial no Marrocos é o Dirham e eu já recomendo trocar o dinheiro logo que chega o aeroporto. Não achei muitos pontos na cidade para isso e no hotel eles não aceitam outra moeda.

As línguas oficiais no Marrocos é o árabe e o francês, mas com o inglês fui muito bem entendida e os marroquinos foram bem simpáticos quando solicitei algumas informações.

O primeiro Mc Donald’s da África e no mundo árabe foi aberto em Casablanca em 1992. Achei o máximo os letreiros em árabe.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Mcdonaldscasablanca1434.JPG

A cultura marroquina é uma mistura de árabes, berberes nativos, africanos e europeus. Sua religião predominante é o islã.

O clima de lá é bem quente, mas mesmo assim andei com roupas fechadas devido essa cultura árabe muito presente. Fui muito bem tratada e não sofri nenhum tipo de assédio. Recomendo a visita, mesmo que seja uma mulher sozinha.

Fonte:
https://en.wikipedia.org/wiki/Casablanca

Deixe uma resposta