Visitando o Castelo de Kronborg, o conhecido Castelo de Hamlet na Dinamarca

O Castelo de Kronborg, conhecido como o castelo de Hamlet (Shakespeare) localiza-se na cidade de Helsingor, no ponto mais estreito de Oresud, o estreito entre a Dinamarca e a Suécia, com vista para o mar báltico. Desde 2000 é considerado patrimônio mundial pela UNESCO.

O Castelo foi construído em 1420, pelo rei Eric da Pomerânia. Sua posição era estratégica para controlar a passagem dos navios que passavam por esse estreito.

O nome Kronborg foi dado pelo rei dinamarquês Frederick II, que também ampliou o castelo, tornando um dos maiores castelos renascentistas da Europa.

Infelizmente, o castelo pegou fogo em 1629 e a capela foi a única que saiu ilesa. O castelo foi, então, reformado por Christian IV.

Atualmente o castelo é aberto ao público para visitação e recebe em torno de 325 mil visitantes por ano.

Como comentei anteriormente, o castelo é conhecido como “Elsinore”, cenário da famosa tragédia de William Shakespeare, Hamlet, o príncipe da Dinamarca.  A peça foi representada pela primeira vez no castelo por ocasião do 200º aniversário de morte de Shakeaspeare, com um elenco formado por soldados da guarnição do castelo. A peça foi realizada várias vezes, após isso, no pátio do castelo, bem como em outros locais da fortificação.

COMO CHEGAR:

A cidade de Helsingor, localiza-se a 47 Km de Copenhagen, porém como estava em Hillerod, peguei o trem que partiu de lá com destino a Helsingor. O trajeto demorou 30 minutos. O valor da passagem já estava inclusa no Copenhagen Card.

Sai da estação e caminhei aproximadamente 15 minutos onde pude conhecer um pouco da cidade de Helsingor. Eu optei em iniciar o percurso por dentro, conhecendo a cidade e retornei via beira mar tirando lindas fotos.



EXPLORANDO O CASTELO

Logo após o primeiro portão visualizei uma mini maquete do castelo.  Achei bem encantadora, pois fica sob a vista do mesmo.

Logo após a segunda entrada, a esquerda, fica a bilheteria do Castelo. O valor da entrada varia de 90 DKK a 140 DKK dependendo da época do ano. Mas para quem tem o Copenhagen Card, como eu, a entrada é gratuita. Os horários variam muito: clique aqui.

Fui caminhando pela fortificação até a entrada do castelo. Passei um arco decorado com esculturas dos deuses  e um retrato esculpido de Shakespeare.

O ponto central do castelo é um pátio aberto, onde visualizei as diversas portas para visitação. A fachada do castelo é toda de arenito brilhante

Assim que entrei, fui seguindo um mapa com as orientações dos lugares que estavam abertos à visitação.

THE CHAPEL

A capela está localizada no piso térreo da ala sul e foi inaugurada em 1582. Foi a única parte do castelo que resta do auge de Kronborg e uma visita lá dá para se ter uma noção de como o castelo foi decorado.

O colorido teto dourado de caixotão encontrado na capela também adornava o resto do castelo, especialmente o salão de baile. O rei da Dinamarca, Christian IV, assistiu à grande missa aqui quando criança.

THE KING’S APARTMENT

Os apartamentos reais estão localizados no primeiro andar da ala norte. Os apartamentos foram originalmente mobiliados por Frederico II por volta de 1576, mas após o incêndio em 1629, Christian IV remodelou-os com pinturas no teto e outros ornamentos.

O quarto do rei tinha uma sacada na janela, localizada acima do portal principal do castelo, de onde o rei podia na época, vigiar os hóspedes que chegavam ao castelo. Já o quarto da rainha tinha a vista para o Bastião da Bandeira.

THE KING’S TAPESTRIES

Em 1581, o rei dinamarquês encomendou um conjunto caro de tapeçarias para adornar o salão de baile em Kronborg. O resultado foi uma série de 43 tapeçarias representando 101 monarcas dinamarqueses e reis lendários.

No entanto, apenas 15 das 43 tapeçarias sobreviveram e até os dias de hoje somente 7 das tapeçarias estão em Kronborg.

O salão de baile (Ballroom) era considerado o maior do norte da Europa em 1582, com seus 62 x 12 metros. As paredes foram decoradas por grandes pinturas datadas de 1618 a 1631.

A maior glória desta obra-prima foi o dossel que foi tecido em ouro e prata. O trabalho nas tapeçarias foi concluído em 1586.

THE CANNON TOWER

Para chegar no topo, é preciso subir uma escada em caracol com mais de 100 degraus. Apesar de não haver muitas vistas de cima do castelo, já que os visitantes não tem acesso às áreas externas, a visita vale a pena.

THE  CASEMATES

No porão estão os Casemates (Catacumbas). Em tempos de guerras, os soldados costumavam viver lá e nos períodos de paz, esses ambientes eram usados como prisões e postos de guarda. São como labirintos de túneis e átrios, geralmente escuros.

É lá que está a estátua de Holger Danske, um lendário guerreiro que aparece em lendas da era viking. É uma figura impressionante e poderosa.

GIFT SHOP

No final do passeio, visitei a lojinha do castelo que oferece uma seleção ampla de lembranças, presentes, literatura, joias, cartões postais e chaveiros.  Super curti!!

THE FLAG BASTION

Uma outra parte do castelo é o bastião das bandeiras onde estão localizados os canhões que protegiam o castelo, com vista para o mar. Essa área venta muito, mas adorei passear por lá.

Ao lado do castelo está o Museu Marítimo da Dinamarca que foi fundado em 1915. Em 2013, o museu mudou-se para novas instalações subterrâneas projetadas pelo Bjarke Ingels Group em torno de um dique seco.

O museu tem 7.600 metros quadrados e é equipado com instalações de ensino, oficinas e um café.

Ao lado do museu está o Kulturværftet, um centro  cultural que foi criado em 2010 no estaleiro Elsinore. Faz parte de um projeto para deixar a era industrial para trás e criar um novo estilo para cidade.

Por ser conhecido como o castelo de Hamlet eu esperava mais. Achei muito bonito por fora, mas a parte interna deixou a desejar. Mas, sem dúvida, vale a visita pela parte histórica.

Fonte:
https://en.wikipedia.org/wiki/Kronborg
https://kongeligeslotte.dk/da/slotte-og-haver/kronborg-slot.html

Anúncios

12 comentários sobre “Visitando o Castelo de Kronborg, o conhecido Castelo de Hamlet na Dinamarca

  1. Renata Campos 26 de agosto de 2019 / 15:37

    Ahh que bacana! Eu conheci apenas Copenhagen, na Dinamarca. Mas fiquei com vontade de voltar pra explorar melhor o país. E já vou incluir esse castelo na próxima vez! rs

    Curtido por 1 pessoa

    • Vanessa Orfao 26 de agosto de 2019 / 18:53

      Renata, vai sim, não vai se arrepender e o melhor, é que é bem pertinho de Copenhagen que é linda também, né? Bjs

      Curtir

  2. Débora Resende 26 de agosto de 2019 / 15:42

    Eu AMO visitar castelos, e deve ser incrível conhecer um com essa história! Shakespeare é demais, né?

    Curtido por 1 pessoa

    • Vanessa Orfao 26 de agosto de 2019 / 16:34

      Debora! Você que ama visitar castelos, se não conhece esse, eu recomendo! Há um evento voltado a Shakeaspeare, mas não consegui ir na data! Quem sabe um dia. Bjss

      Curtir

  3. Sílvia Bolzani 26 de agosto de 2019 / 18:24

    Oi Vanessa, seu post me surpreendeu. Achei que já soubesse de todos os motivos para conhecer a Dinamarca, mas este Castelo não constava. Já incluí na lista! Dicas e fotos incríveis, obrigada por compartilhar!

    Curtido por 1 pessoa

    • Vanessa Orfao 26 de agosto de 2019 / 18:55

      Silvia! Sem dúvida, é um castelo que não me surpreendeu muito pela decoração, mas a história de Shakespeare é contada nele que é muito legal! E o castelo além de lindo, tem uma vista maravilhosa. Bjs

      Curtir

  4. Juliana 26 de agosto de 2019 / 21:40

    Eu estou louca para fazer essa visita e Hamlet é o maior motivo mesmo rs. Imagina como deve ter sido a apresentação da peça ali? Que sonhooooo!

    Curtir

    • Vanessa Orfao 27 de agosto de 2019 / 00:02

      Eu adoraria ter assistido a peça, mas infelizmente não consegui conciliar a mesma época. Mas deve ser maravilhosa. Vai sim, depois me conta de lá! Bjo

      Curtir

  5. Cynara Vianna 28 de agosto de 2019 / 11:05

    Vou mostrar esse post ao meu marido, ele quer conhecer a Dinamarca, tenho certeza que vai se empolgar em incluir esse castelo no roteiro.

    Curtido por 1 pessoa

  6. michellepes 25 de setembro de 2019 / 19:02

    Nossa muito legal este post, me segue no sisterviajantes passa lá.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.