Roteiro de um dia por Belfast e arredores, na Irlanda do Norte.

BELFAST, em gaélico Béal Feirste ou “boca do Farset”, o nome do rio onde a cidade nasceu, é a capital e maior cidade da Irlanda do Norte. Tornou-se cidade em 1888 e foi palco dos maiores conflitos entre Católicos e Protestantes. A cidade também é conhecida, por ter sido a sede de construção do navio TITANIC, da White Star Line. Belfast, atualmente, é o centro comercial, educacional, de entretenimento e de serviços da Irlanda do Norte.

Fui para a cidade com a empresa BELFAST TOURS, que nos ofereceu um Day Tour por Belfast e região, saindo da Old Stone Church, em Dublin. O passeio incluiu a cidade de Belfast, Saint Patricks Grave, Dundrum Castle e NewCastle.

A primeira parada foi no PEACE WALLS. O famoso “muro da paz”, como agora é conhecido está na Shankill Road e Fall Road. O muro separa os bairros católicos e os bairros protestantes e é um grande ponto turístico. Foram inicialmente construídos em 1969 para minimizar a violência e para durar apenas 6 meses, mas devido aos vários conflitos, os muros foram se multiplicando e  atualmente conta com mais de 34 km, com a maioria em Belfast. Mais de 3.500 pessoas foram mortas durante ‘The Troubles’ e cerca de metade dessas mortes ocorreram em Belfast. Muito interessante apreciar as pinturas que se mantém bem conservadas nos muros e vivenciar um pouco dessa história tão conflituosa, cheia de violência, luta e marcos. Alguns trechos têm portões que permitem a passagem durante o dia, mas são fechados a noite.

O ônibus passou por alguns pontos como a CRUMLIN ROAD GOAL. Uma antiga prisão que foi aberta em 1846 e por 150 anos abrigou assassinos e prisioneiros em geral. A prisão fechou suas portas em 1996 e ficou vazia por muitos anos e desde novembro de 2012, o local funciona como atração turística. Além do museu histórico, abriga um centro de conferências e local para shows. Horário de visitação das 10h00 as 16h30 todos os dias. Preço: £ 9. Endereço: 53-55 Crumlin Road, Belfast.

Também passou pela UNIVERSITY OF ULSTER. Fundada em 1968 é atualmente, a maior universidade da Irlanda do Norte. Fundada em 1968.

E no ODYSSEY, que está situado no Queen’s Quay e é composto por duas áreas: ODYSSEY PAVILION e o ODYSSEY ARENA. O Odyssey Pavilion oferece diversos locais de lazer e entretenimento e o Odyssey arena, inauturado em 2001, é usado para eventos esportivos, concertos de música e exposições.

A segunda parada foi no TITANIC QUARTER, o lar de grandes produções do cinema. Com cerca de 185 acres, o local, anteriormente ocupado por parte do Estaleiro Harland and Wolff, recebeu seu nome em homenagem ao mais famoso produto da empresa.

No Titanic Quarter pode-se encontrar o HMS CAROLINE, o último navio de guerra sobrevivente da Primeira Guerra Mundial. O navio foi restaurado e além do museu, contem um café para uma ótima pausa. Lá é possível visitar os espaços históricos que inclui a cabine do capitão, bem como a sala de maquinas e cozinha. Visita: £ 10,45

Passeando pelas docas, encontrei o SS NOMADIC. Atracado ao lado do Titanic Belfast, o SS Nomadic foi desenhado por Thomas Andrews (mesmo designer do Titanic) e construído por Harland e Wolf. O Nomadic transportava passageiros de primeira classe e de segunda classe para o poderoso navio. Feito todo de aço, o Nomadic possui 70 metros de comprimento e 11 de largura, com peso total de 1.273 toneladas e foi restaurado com sua glória original de 1911. Horário: segunda a domingo das 10h as 18h. Preço:£ 7. Endereço:Hamilton Dock, Queens Rd, Belfast.

E finalizando o passeio por essa região está o TITANIC BELFAST EXPERIENCE, uma atração turística que foi inaugurada em 2012 no local do antigo estaleiro Harland & Wolff, no Titanic Quarter. O museu conta as histórias e traz ao visitante a melhor experiencia do navio mais famoso do mundo. O prédio tem um design moderno e tem mais de 12.000 metros, sua fachada é revestida em mais de 3 mil fragmentos de alumínio de prata e tem 38 cm de altura, a mesma do casco do Titanic.

O museu conta com diversas galerias interativas, que contam a história do RMS Titanic desde sua concepção no início de 1900, passando por sua construção e lançamento, até sua viagem inaugural e final trágico em 1912.

Em frente ao edifício está Titanica , uma escultura de Rowan Gillespie que retrata uma figura feminina de mergulho. Feita de bronze, é montada sobre uma base de latão, evocando o desenho de cabeças de proa nas proas dos navios e pretende representar esperança e positividade. Preço:£ 10. Endereço:Hamilton Dock, Queens Rd, Belfast.

No final ainda deu tempo de passar na Titanic Store e comprar algumas lembrancinhas. Não pude deixar de trazer uma que representa bem o filme Titanic.

Após esse belíssimo passeio, nos dirigimos para o centro da cidade de Belfast. Passamos com o ônibus na Fish Sculpture, conhecida como BIG FISH. Uma escultura de cerâmica, construída em 1999, por John Kindness com 10 metros de comprimento. Suas belas escamas azuis descrevem diferentes cenas da história de Belfast. Endereço: Donegall Quay, Belfast

Chegamos no centro da cidade e tivemos um bom tempo livre para almoço e explorar o local. O ônibus parou ao lado da BELFAST CITY HALL. O lindo edifício foi projetado por Alfred Brumwell Thomas e construído em pedra de Portland. O local agora é ocupado pela prefeitura, mas já foi casa do White Linen Hall, uma importante Bolsa Internacional de Linho. Seus jardins são bem populares entre os trabalhadores de escritório e turistas no verão. Entrada gratuita. Endereço: Donegall Square, Belfast.

O TITANIC MEMORIAL está localizado dentro da área externa da Belfast City Hall, do lado leste. Foi erguido para homenagear as vidas perdidas no naufrágio do RMS Titanic, em 15 de abril de 1912. Inclui cinco placas de bronze em um pedestal de 9 metros de largura, nomeando as 1.512 vítimas, dentre passageiros e tripulação, que estão listadas em ordem alfabética.

Sai da prefeitura e fui caminhando até o VICTORIA SAQUARE, um complexo comercial de lazer localizado no centro de Belfast. A área possui mais de 70 marcas internacionais.

É lá que está o BITTLES BAR, um dos pubs mais curiosos de Belfast, com formato de “flat-iron”. Foi construído em 1868 e foi originalmente chamado de Shakeaspeare. Horário: segunda à sábado das 10h as 0h00. Endereço: 70 Upper Church Lane, Belfast.

Pegamos o ônibus novamente com direção ao próximo destino. O ônibus passou pelo ALBERT MEMORIAL CLOCK, uma torre de relógio que foi construída em 1869 e é um dos marcos mais conhecidos de Belfast. Endereço: Queens Square, Belfast.

Outro local conhecido que o ônibus passa foi na ST. ANNES CATHEDRAL. Localizada na Donegall Street é conhecida como a Catedral de Belfast. Construída em estilo Hiberno-românico, a catedral foi inaugurada em 1899.

Partimos em direção à cidade de DOWNPATRICK, na Irlanda do Norte, onde está o ST. PATRICKS CENTRE. O centro tem uma exposição que conta com a fascinante história do Santo Padroeiro da Irlanda. Endereço: 53A Market Street, Downpatrick.

Próximo ao centro está a ST. PATRICK’S GRAVE E DOWN CATHEDRAL. Fica no local de um mosteiro beneditino, construído em 1183. Horário: segunda à sábado das 09h30 as 16h00 e aos domingos das 14h00 as 16h00. Entrada gratuita.

Um pouco atrás, e ao lado da igreja, em Cathedral Hill, fica o cemitério onde os restos mortais de St. Patrick estão enterrados. Em um túmulo localizado sob uma pedra memorial, esculpida de granito das Montanhas Mourne, que foi colocada em 1900 para preservar e proteger o local do enterro, devido ao grande número de peregrinos que visitam o local do enterro.

O nosso tour seguiu viagem em direção ao DRUNDRUM CASTLE, um dos mais importantes castelos medievais da Irlanda. O castelo é situado acima da cidade de Dundrum, no condado de Down, na Irlanda do Norte. Foi construído por John de Courcy, no século XIII, após sua invasão ao Ulster.

Fica no topo de uma colina rochosa, com belas vistas para o sul, sobre a Baía de Drundrum e as Montanhas Mourne. Aberto diariamente todo ano. Entrada livre. Endereço: 2 Castle Hill, Dundrum, Newcastle.

Passamos em NEWCASTLE, uma pequena estância balneária em County Down, na Irlanda do Norte. Encontra-se no mar da Irlanda, na parte inferior de Slieve Donard, uma das Montanhas Mourne. É conhecida pela sua praia de areia.

Lá está a CONE OF LIGHT que é uma escultura do artista Robert McColgan. Ele liga Newcastle às Montanhas de Mourne e, se você olhar diretamente para cima, estará em perfeito alinhamento com o topo de Slieve Donard. Endereço: 2 Central Promenade, Newcastle, Down.

De lá avistamos as Montanhas Mourne, que são uma cordilheira de granito localizada no condado de Down, na Irlanda do Norte. A mais alta das montanhas é a Slieve Dornard com 850 metros (2790 pés). O cenário das montanhas incluiu várias produções como Philomena e Game of Thornes.

A última parada foi em um ponto da rodovia, na própria MONTANHA MOURNE, que está na lista de colinas de gravidade e colinas magnéticas ao redor do mundo. Uma colina de gravidade é um lugar onde uma ligeira descida parece ser um declive devido à disposição da terra circundante, criando uma ilusão de ótica de que a água flui para cima ou um carro estacionado com seu frio de mão parece ir para cima.

De lá seguimos viagem, retornando para Dublin. Adorei o passeio e pena que tive somente um dia, adoraria ter aproveitado mais da Irlanda do Norte.

Fonte:
https://pt.wikipedia.org/wiki/Belfast
http://www.atlasworld.co.uk/project/saint-annes-cathedral-belfast-5/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.