Liverpool – Um tour a pé pela cidade dos Beatles

Liverpool é uma cidade no condado de Merseyside, no noroeste da Inglaterra. Quando pensamos na cidade, lembramos dos Beatles, uma banda que se formou em 1960 por John Lennon, Paul McCartney, George Harrison e Ringo Star.

Como chegar:
Há várias opções de trem de Londres para Liverpool  e o trajeto demora em torno de 2h30. Eu estava um pouco mais pertinho, então fui de trem de NewCastle Upon Tyne.

Saindo da estação Liverpool fui caminhando pela própria Lime Street com a London Road onde encontra-se o Liverpool Empire Theatre, que foi inaugurado em 1925 e tem o maior auditório de dois níveis da Grã-Bretanha.

Em frente ao teatro está o Saint George’s Hall, que foi projetado em 1840 por Harvey Londsdale Elmes. Uma parte dele abriga um teatro para consertos e salas de reuniões e a outra parte é a sede dos tribunais da cidade de Liverpool.

Descendo pela William Brown Street pude ver três grande prédios. O primeiro prédio é a Walker Art Galery, o museu de belas artes de Liverpool que abriga diversas coleções de obras de arte. Foi concebida pelos arquitetos Cornelius Sherlock e H.H. Vale e inaugurada em 1877.

O segundo e o terceiro prédio da rua é a Central Library e o World Museum. O museu possui extensas coleções de arqueologia, etnologia e ciências naturais e física. A entrada do museu é gratuita.

Em frente aos três prédios está o St. John’s Gardens. Um espaço aberto a oeste do St. George’s Hall. Os jardins fazem parte da área de conservação da William Brown Street. Muito bem conservado, é um espaço super agradável para admirar.

Atravessei o parque, me dirigindo para Queen Square, uma região que abriga diversos bares, cafés, restaurantes, entretenimento e casino do centro da cidade de Liverpool.

Fui caminhando pela Whitechapel St., uma rua de pedestres comercial. É lá que está o Metquarter Shopping Centre, que abriga cerca de 40 lojas e o é terceiro maior centro comercial da cidade de Liverpool.

Entrei a direita na Lord St. até encontrar uma placa rosa escrita Cavern Walks Boutique Shopping Centre. Um lugar pequeno e agradável, com um café e uma estátua dos Beatles como parte de sua decoração.

Fui pela Harrington St. até chegar ao Hotel Hard Days Night, um hotel quatro estrelas, localizado na North John Street. O único hotel temático dos Beatles no mundo, abriu as portas em fevereiro de 2008. Tem cerca de 110 quartos, incluindo as famosas suítes McCartney e Lennon, bem como inúmeros bares e restaurantes. A sua fachada possui as estátuas dos 4 integrantes da banda britânica.

Passei em frente ao hotel chegando a Mathew Street. Ela liga a North John St a Rainford Gardens, na Whitechapel. A rua possui vários pubs e duas lojas dos Beatles que eu visite.

Nessa rua está localizada o Cavern Club, que ficou mundialmente conhecido por ser o local inicial da carreira dos Beatles. Foi inaugurado em 1957, mas somente em 1961 que os Beatles se apresentaram pela primeira vez no local. Desde então fizeram shows regulares até 1963, totalizando 292 shows. Em frente ao pub encontrei a estátua de John Lennon, que foi inaugurada lá em 1997.

Fui caminhando pela Mathew St, virei a esquerda na Stanley St onde encontrei a estátua de Eleanor Rigby, que foi projetada e feita pelo artista Tommy Steele, com 128 cm de altura e 120 cm de largura. Foi baseada no tema a canção Eleanor Rigby, dos Beatles.

Voltei pela rua do Hotel Hard Days Night, virei a direita na Lord St., continuei pela James Street, até chegar a Derby Square. Lá está o The Queen Elizabeth II Law Courts, um edifício que foi inaugurado em 1984 e abriga hoje os serviços tribunais da cidade de Liverpool.

Desci a James Street até o final e atravessei a rua até chegar ao Pier Head. Nessa região estão o Pier Head & The Three Graces, que definem os mais belos edifícios de Liverpool (Royal Liver Building, Cunard Building e o Port of Liverpool Building)

No Pier Head, em frente aos prédios, está localizado a Fab4Store, uma loja da Beatles Story que oferece uma das maiores coleções de lembranças dos Beatles do mundo. Com certeza um dos lugares que os fanáticos pelos Beatles não podem deixar de visitar.

Continuei pelo Pear Head contornando o Museum of Liverpoool, que foi inaugurado em 2011. As exposições do museu estão divididas em quatro temas principais: O Grande Porto, a Cidade Global, República Popular e Lugar Maravilhoso. Eu não entrei no museu, mas achei sua arquitetura fantástica.

Do lado do Museu of Liverpool inicia-se a Albert Dock, um complexo de edifícios de docas e armazéns projetados por Jesse Hartley e Philip Hardwick. Foi inaugurado em 1846 e foi a primeira estrutura da Grã-Bretanha a ser construída em ferro fundido, tijolo e pedra, sem madeira estrutural.

Com vários bares e restaurantes badalados e muitas das principais instituições culturais da cidade, a Albert Dock é um dos destinos mais populares de Liverpool. É lá que fica o Tate Liverpool, uma das mais prestigiadas galerias de arte da Inglaterra e o Merseyside Maritime Museum, um museu marítimo inaugurado em 1980.

É na Albert Dock que está o Hotal Yellow Sub, uma casa barco temática que apresenta um interior com recordações de filmes, musica e móveis dos Beatles.

Na própria Albert Dock, na Gower Street está localizado o The Beatles Story. O museu, inaugurado em 1990, contém recriações do The Cavern Club e da Abbey Road Studios, além de outros itens dos Bealtes, como a guitarra do George Harrinson e os óculos de John Lennon. Com certeza, um passeio obrigatório para qualquer fã da banda britânica. Eu simplesmente amei e fiz um post sobre o museu para quem quiser conhecer um pouco mais, clique aqui.

Terminei meu passeio pela Albert Dock passando por uma das grandes atrações de Liverpool. A  Echo Wheel of Liverpool é  roda gigante, aberta em 2010, que fica em frente ao Echo Arena, um espaço construído para música ao vivo e eventos esportivos. A estrutura tem 60 metros de altura, pela 365 toneladas e tem 42 cápsulas totalmente fechada. Uma das atrações de Liverpool.

Voltei no sentido do Merseyside Maritime Museum. Atravessei a Strand Street e vim caminhando pelas ruas de pedestre no centro de Liverpool. Passei em frente ao Liverpool One, um complexo residencial, comercial e de lazer. É considerado o maior centro comercial ao ar livre do Reino Unido.

Fui andando pela Duke Street até chegar a China Town, uma área de Liverpool, que abriga a comunidade chinesa mais antiga da Europa. A área é notável por sua arquitetura de estilo chinês, como o arco na Nelson Street.

Um pouco mais para frente, ainda pela Upper Duke Street, localizei a Cathedral de Liverpool.  Ela possui 189 metros de comprimento externo, o que a torna a mais extensa igreja do mundo. É considerada a quinta maior igreja e uma das altas do mundo.

Entrei a esquerda na Hope Street,  que foi eleita a melhor rua do Reino Unido em 2013. Fui caminhando e na esquina com a Mount Street  está a Case History, uma incrível peça de arte de rua criada por John King, em 1998. São malas e bolsas rotuladas que pertenceram aos cidadãos mais famosos de Liverpool, incluindo John Lennon, George Harrinson e Paul McCarteny.

Na Hope Street está também a Royal Liverpool Philarmonic, uma sociedade que administra a orquestra sinfônica profissional e um local de concertos e programas de música. É a única orquestra do Reino Unido que tem seu próprio salão.

Continuei caminhando até chegar na Liverpool Metropolitan Cathedral, que é a sede do Arcebispo de Liverpool e a igreja matriz católica. Sua construção foi em 1967. Achei super bonita sua arquitetura.

Segui pela Mount Pleasant Street sentindo a Liverpool Lime Street onde está localizada a estação de trem. De lá consegui avistar bem a Radio City Tower, com 138 metros de altura é o segundo edifício mais alto de Liverpool. De lá dá para ter uma bela vista panorâmica de 360 graus de Liverpool e regiões. Está aberta diariamente das 10h30 as 17h30 e não é necessário reservar com antecedência.

Por ser apaixonada por futebol, para terminar meu passeio na região, peguei um táxi e fui ao Estádio do Anfield Road, que é a casa do time Liverpool FC e um dos estádios considerados 4 estrelas pela UEFA. Foi inaugurado em 1884 e tem capacidade para 54.167 torcedores. Super recomendo a visita aos apaixonados por futebol.

Fonte:
https://pt.wikipedia.org/wiki/Liverpool
http://blog.culturainglesa-ce.com.br/reino-unido/saiba-mais-sobre-liverpool-%E2%80%93-a-cidade-dos-beatles

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s